Radioguide.fm

Radioguide.fm

envia ao seu amigo

Muzangala TV

Loading...

LOUCO SERÃO

GALERIA

LOUCO SERÃO

Etiquetas

configuração rato

Quantos somos?!

Vice-Presidente da República faz abertura simbólica do Censo Piloto 2013




 
Luanda – O Vice-Presidente da República, Manuel Domingos Vicente, fez hoje, quinta-feira, em Luanda, a abertura simbólica do Censo Piloto 2013, ao receber em sua residência, à Cidade Alta, a equipa técnica de recenseadores.
 

Eram 09h20 da manhã desta quinta-feira quando os técnicos, recenseadora e um supervisor, chegaram ao número 19 do Beco do Balão, à Cidade Alta, e em breves palavras explicaram ao Vice-Presidente os motivos da sua presença, os objectivos do processo, procedimentos, bem como deram garantias da segurança em relação ao sigilo sobre os dados apresentados pelos cidadãos, independentemente da classe pertencente.
 
 
Já no interior da sua residência, o Vice-Presidente da República, Manuel Vicente, referiu como sendo “um dever e obrigação de todos os cidadãos” participar do processo pela sua importância para o país, tendo de seguida respondido às questões apresentadas.
 
 
Após o acto simbólico, e em conferência de imprensa, o ministro do Planeamento e do Desenvolvimento Territorial, Job Graça, referiu que através desta cerimónia simbólica do lançamento do Censo Piloto 2013, e por intermédio do Vice-Presidente da República, Manuel Vicente, o Chefe de Estado angolano, José Eduardo dos Santos, emprestou todo o seu prestígio ao Recenseamento Geral da População e Habitação previsto para 2014.
 
 
O ministro Job Graça salientou, com isso, que o estadista deu mostras de que nenhum cidadãos deve ficar à margem deste processo, pois nos termos da lei é uma obrigação, “por ser uma operação do Estado com a importância que o reconhecemos” .
”Ele vai prover-nos de dados estatísticos, demográficos, económicos e sociais que são fundamentais para melhorar o nosso processo de planeamento para o desenvolvimento”, disse.
 
 
Outra mensagem, acrescentou, é a de que “na medida em que a informação individual prestada está coberta pelo segredo estatístico, estabelecido por lei, todos os cidadãos devem prestar a informação com veracidade, livremente, sem receios de que aspectos da sua vida pessoal possam ser postos ao público, de modo que as estatísticas resultantes sejam fiáveis, o que é uma qualidade que se requer para que elas possam produzir os efeitos esperados ao nível do planeamento para o desenvolvimento”.
 
O Censo Piloto 2013 iniciado hoje em sete das 18 províncias do país (Namibe, Kuando Kubango, Huambo, Cunene, Luanda, Kwanza Norte e Uíge) serve de ensaio para o grande recenseamento geral da população e habitação que o país vai realizar em Maio de 2014.
 
 
Na capital, Luanda, tem lugar nos municípios do Cazenga, no bairro Moto Pá, enquanto no distrito da Maianga estão a ser abrangidos os bairros do Catambor e Alvalade.
 
 
As Nações Unidas recomendam a realização de censo, pelos países, a cada dez anos. Este é o primeiro que Angola realiza por ter registado três décadas de guerra.
 
 
 
Fonte: ANGOP