Radioguide.fm

Radioguide.fm

envia ao seu amigo

Muzangala TV

Loading...

LOUCO SERÃO

GALERIA

LOUCO SERÃO

Etiquetas

configuração rato

Aline Frazão

A angolana residente em Barcelona é dona de uma voz suave e encantadora.

Aline Frazão tem apenas 26 anos, nasceu em Luanda, capital de Angola, e interessou-se pela música desde criança, tendo pisado o palco pela primeira vez com 9 anos. Aos 18 anos, mudou-se para Lisboa, Portugal, para frequentar a universidade.

Depois quando mudou-se para Santiago de Compostela, gravou, em 2011, o seu primeiro disco, Clave Bantu, uma produção independente que reúne canções compostas pela angolana durante quatro anos de viagens, além de duas parcerias com os escritores angolanos José Eduardo Agualusa e Ondjaki. Já Movimento é o nome do seu segundo trabalho, lançado no ano de 2013, e conta com a parceria do poeta angolano Carlos Ferreira “Cassé” e um poema de Alda Lara interpretado pela cantora. 

Com uma voz miúda e ao mesmo tempo potente, o som da cantora tem influências claras da música angolana e também brasileira. Uma música genuína, que deixa a voz da cantora livre para sobressair. Além de fazer canções que falam com o ouvinte, pelas letras que são quase poemas, que falam de Angola, da mulher e de questões subjectivas de fácil identificação.
Formada em Ciências da Comunicação, pela Universidade Nova de Lisboa, ela também é cronista do jornal angolano Rede Angola.

E não há dúvida de que Aline Frazão é uma cidadã do mundo, viveu também em Madrid e hoje reside em Barcelona.

O seu ultimo show em África foi realizado em Nairobi no Hotel Tribe no mês passado. Aline apresentou uma variedade de música tradicional de Angola, Cabo Verde e Jazz do Brasil.
A sua actuação foi presenciada por milhares de amantes da música, num evento organizado pelo festival de cinema lusófono em Nairobi e raízes internacionais. Entre os presentes estava o Embaixador do Botswana John Moreti, o cônsul da embaixada de angola Álvaro Zabila Kubanza, entre outras personalidades africanas.